_quem sabe_

Talvez eu deixe de esperar sinais da sua volta.Assim, meu telefone não mais vai apelar por sua procura.

Talvez o raiar do sol se torne mais aquecedor nas manhãs frias de inverno, e apague os rastros gelados de um passado.

Talvez a saudade não soe como dor, outrora sentida. E o vazio venha ceder lugar para os novos horizontes.

Talvez a vontade de seu cheiro seja sanada pelas lembranças.E então eu me dê conta do desapego mostrando seus sinais. Ou do amor, ainda que fracassado.

- Quem sabe.. Já nem sei mais quem sou.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

_Somente cinco, para trinta.

_quando menos imaginamos_

_amor.