_no tal do amor_

Ouço músicas, e nada além de lembranças.
Não existem sensações novas, não há pensamentos diferentes. Nem imagens modificadas.
A mente permanece inoperante. O vazio toma conta.

Embora eu ainda acredite no tal do amor.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

_quando menos imaginamos_

_amor.

_Somente cinco, para trinta.