_e eu, leiga que sou_

Alguém pode explicar o sentimento que nos passa sensação de prazer, medo, vontade, felicidade, frio na barriga e muitos tantos outros de uma só vez quando se vê uma única outra pessoa?

Comum dizermos que amamos. Mas podemos perceber que conforme o tempo passa, passamos também a amar um bocado a mais do que amávamos os amores antigos. Ou julgamos que então não era amor.

Amor. Diversos tipos e sensações. E eu, leiga que sou, ainda afirmo sem dúvidas, que ninguém consegue decifrar esse sentimento em outras palavras a não ser ele mesmo. AMOR.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

_quando menos imaginamos_

_amor.

_Somente cinco, para trinta.