_só mais uma vez_

Eis que vem desculpas tentando justificar todos os atos.

Desculpas estas quais te acalmam e machucam. Por tanto tempo esperou por mudanças, e agora, elas vem e vão do modo mais incerto e dilacerador possível.

Diz compreender, mas a fundo, ainda conflita-se. Acredita que podia ser diferente.

E tenta não mais pensar em tudo isso que faz mal. Que a faz perder o humor. Que a tira do normal.

- Preciso de você. Só mais uma vez, eu queria você aqui.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

_Somente cinco, para trinta.

_quando menos imaginamos_