_um misto de alegria e pavor_

Tanto tempo parado. Deixando de bater acelerado. E de repente, explode.

Explosão, calor, palpitação. Trêmulo. Assim como o frio na espinha qual também origina.

Sensações anormais. Oscilantes entre o medo e o entusiasmo. Um misto de alegria e pavor.

Abismo. Amor e ódio, contentamento descontente. Vontade, desejo, amargura, espera, tempo e saudade.

Tantos sentimentos. Tantas misturas, sensações indecifráveis capazes de te destruir e te elevar de tal forma que não há explicações.

Apenas pode-se resumir em paixão.

- Sim rapazes, é onde me encontro. Apaixonada, nas nuvens e ao mesmo tempo, sem chão.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

_Somente cinco, para trinta.

_quando menos imaginamos_

_amor.