_abre caminho novamente aos raios do sol_

As gotas de chuva que caem sobre minha face são como intimação a ir para casa e me esconder dentre os lençóis. Ilhar-me em meio a travesseiros, rascunhos e chocolates. Esquecer-me de lembrar das silhuetas e fatos gravados em minha mente como em outrora. Apagar por instantes o poder de pensar e elevar estes pensamentos ao longe, na busca por nada.

E de lá levantar somente após de descansar enquanto a tempestade abre caminho novamente aos raios do sol.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

_Somente cinco, para trinta.

_quando menos imaginamos_