_talvez seja a hora de mudar_

Sair sem destino por ai enquanto estas bodeada. Deparar-se com a mais deliciosa bebida. E com salvadoras risadas. Beber, sem muito privar-se. Sem moderar-se.

-Fazer novas amizades nunca é demais. E assim fui.

Um bar qualquer e depois de alguns copos você se sente em casa. Rostos desconhecidos que animam-te e fazem esquecer por momentos do que permanentemente não escapas de sua mente. Talvez seja a hora de mudar. Pensar que o que desejas é sem fundamentos. Sem sentido.

Tu rias de ti mesmo, ali, respondendo mensagens e conversas. Sem muito saber o que fazer, parte. Em direção do destino. Que sempre lhe prega peças. Apaixona-te. Por uma noite. Com vontades de perder-se por ai.

- Apaixono-me, por braços tatuados, encantadores, embreagados.

E o que fazer??? Nada mais que esperar... As próximas cenas de capítulos já antes traçados pelo destino. Que muda a cada instante. Que te surpreende a cada mudança. Que te faz seguir rumos até desconhecidos em busca de descobertas jamais planejadas.

Seja o que for pra acontecer. Estarei preparada. Estarei para ti. Estarei para quem quiser me fazer feliz.

(São 04h39, duma sexta-feira Santa...qual ja deveria estar dormindo a tempos. E realmente não esteja muito bem. Ou melhor do que poderia estar.)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

_Somente cinco, para trinta.

_quando menos imaginamos_

_amor.