_uma saída ou bifurcação_

Vagando incansavelmente, ela tenta achar caminhos. Caminhos para tentar mostrar que pode ser melhor. Que muito do que faz há motivos. Só seus, embora. Entretanto, sorrateiramente, abrem-se buracos que custam a fechar. E mesmo sabendo que dói, persiste. Não se deixa perder os últimos grãos da esperança que lhe resta. Encontra então, uma saída ou bifurcação e lá está também o seu destino.

Virar a direita, permitindo escapar lembranças entre os dedos, e cultivando vontades de novos momentos, se deixando levar pelos bons fluidos que virá pelo caminho...

Ou seguir na esquerda, alimentando aos poucos a vontade de se jogar do alto da montanha, aguardando um imenso lago azul, qual te salvará através de um mergulho profundo em águas transparentes qual buscara há tempos.

Dois distintos caminhos que podem levar ao ápice ou a perdição. E então?

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

_Somente cinco, para trinta.

_quando menos imaginamos_

_amor.