_existe um bloqueio_

Por vezes as palavras fogem. Outras, não cabem aqui. Talvez exista apenas uma pessoa a ler estes escritos. Ou então, tantas outras que desconheço e passam aqui despercebidas. E mesmo assim existe um bloqueio em digitar palavras que expressem tudo que sinto.

Talvez por não ser real. Talvez por não acreditar. Ou não ter forças. Na verdade queria esquecer. E porque deixar de escrever, se o pensamento martela insistente, incansável?

Também não sei.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

_Somente cinco, para trinta.

_quando menos imaginamos_